PSD preocupado com aumento da violência doméstica

O presidente da Distrital de Setúbal do PSD, Paulo Ribeiro, demonstrou a sua preocupação com o aumento da violência doméstica na região, na sequência de uma reunião com o...

103
103

O presidente da Distrital de Setúbal do PSD, Paulo Ribeiro, demonstrou a sua preocupação com o aumento da violência doméstica na região, na sequência de uma reunião com o comandante do Comando Territorial de Setúbal da GNR, Tenente-Coronel Mário Guedelha, onde se procurou aferir os meios e condições que dispõe a GNR para o cumprimento da sua missão

Paulo Ribeiro considera que  “este é um flagelo que atinge um número crescente de vítimas que se encontram desprotegidas face aos agressores, neste contexto de pandemia, e que se faz sentir com maior intensidade entre pessoas em situação financeira precária resultante das dificuldades económicas que o país atravessa, nomeadamente no nosso distrito” e destaca o “importante papel desenvolvido pela GNR no combate à criminalidade no Distrito, concretamente a criminalidade violenta e grave, apesar das difíceis condições com que a GNR exerce a sua atividade”.

O  social-democrata criticou, também, o “atraso do Governo na execução de obras fundamentais para que a GNR realize o seu trabalho, como a realização de obras de requalificação nos quartéis da Moita, da Quinta do Conde e de Grândola”, que acusa de “não ter qualquer plano estratégico de segurança para o distrito e por isso não considera prioritário o investimento em infraestruturas de Segurança, não obstante os números elevados de criminalidade na região, que o Governo prefere ignorar”.

In this article